Traumas

 

Traumas todos nós temos, não é?

Você sabia que desde o ventre materno já lidamos com traumas, pois o DNA que recebemos através do espermatozóide e óvulo de nossos pais trazem a história de vida de nossos ancestrais, e que são passadas através do cordão umbilical todas as informações transgeracionais familiares?

Sabia também que nossas células têm memória? E que fica registrado em nossa memória celular todos os traumas, os padrões negativos, restritivos e limitantes que nossos ancestrais tiveram? Memórias de dor, sofrimento, exclusões, perdas familiares, financeiras, traumas profundos? 

Mas não só as coisas difíceis que foram passadas para o nosso DNA... As conquistas, as superações, as vitórias também foram transmitidas através do cordão umbilical e é por meio dessa força motriz que podemos seguir em ressonância com as coisas boas que aconteceram a eles.

As coisas negativas que sejam a partir de hoje, através da nossa escolha,  transformadas em força para prosseguirmos sem os traumas do passado e serem o nosso maior aprendizado, para assim escolhermos finalizar um ciclo doloroso e podermos passar adiante aos nossos descendentes essa força de vida que recebemos de nossos pais, avós, bisavós e todos que vieram antes de nós.

Através das Constelações, aliadas à Terapia Floral Evolutiva e às técnicas que integram e complementam o meu trabalho, você poderá olhar para esse seu trauma com amor e respeito, e ser fiel a quem você está em seu sistema familiar que tomou para si esse peso.

Bert Hellinger observou a mente e o comportamento humano e assim trouxe até nós as CONSTELAÇÕES FAMILIARES, uma terapia breve, forte, intensa e transformadora!

Ao conviver com a tribo Zulu na África, Bert Hellinger percebeu que há três leis que movem a constelação, e que se a respeitarmos traremos ordem, paz e equilíbrio ao nosso sistema familiar.

São elas:

Aplicando-as em nossa vida, traremos ordem ao sistema envolvido e será mais leve nosso caminhar.

Através de desemaranhar aquilo que estava emaranhado e de frases de solução (frases de cura que Bert Hellinger se conectou), nossa vida irá para frente e com força ancestral.

Através do campo morfogenético, onde Rudolf Sheldrake observou esse campo onde não se vê, mas se sente, acessamos inconscientemente as informações do campo da pessoa constelada.

Através de representantes (como âncoras, bonecos, cristais, e outros elementos e nas constelações em grupo, temos os próprios representantes que estão disponíveis para trazerem voz ao sistema do constelado) - que farão o papel dos envolvidos na constelação, representando o tema abordado, a Constelação irá mostrar o que precisa ser visto, honrado e reverenciado, com respeito e humildade.

É colocado no campo o tema que dói mais na vida do cliente, seu trauma, sua dor maior, e olharemos para isso com amor, sem julgamentos, e o campo da Constelação irá nos mostrar o que estava emaranhado, esquecido, abandonado, rejeitado, excluído, renegado, oculto e que precisa ser visto e colocado em seu lugar, pois uma das coisas que mais dói é não sermos incluídos e não termos o direito de pertencer, portanto, acolhemos a todos na Constelação.

Através de todas as técnicas utilizadas e de ressignificar padrões e transmutar isso, o cliente olha para sua vida eliminando a dor da alma a qual estava em ressonância, trazendo tomada de consciência e estrutura para transformar o seu caminho.

Leia Tambem

Escrito por Lizamar Rodriguez

Publicado em 2021-10-15

Tags

Sugerimos que você também leia estes